Cogeração

Entende-se por cogeração (ou CHP) o processo de gerar simultaneamente electricidade e calor utilizável através do uso de uma unidade combinada electricidade & calor. É uma tecnologia madura largamente usada na indústria sendo que a recuperação do calor do processo de geração de energia permite eficiências globais muito elevadas, com rendimentos de 80 a 95% no caso de centrais de cogeração, dependente das aplicações O calor residual é geralmente usado para aquecimento embora a temperaturas moderadas (100-190ºC) possa ser também usado em chillers de absorção para arrefecimento. Uma unidade de produção que produza electricidade, calor e frio é também chamada de trigeração. A vantagem do processo de cogeração é a de gastar combustível de um modo termodinamicamente eficiente uma vez que se em centrais termodinâmicas de produção de electricidade é rejeitada grande parte da energia na forma de calor residual, em cogeração esta energia térmica pode ser posta a bom uso. Em sistemas de cogeração a quantidade de combustível usada para geração simultânea de electricidade e energia térmica é muito inferior do que a que seria usada em sistemas convencionais separados de geração eléctrica e térmica. 

Uma instalação de cogeração pode ser dimensionada para satisfazer maioritariamente as necessidades de calor ou então como geradora de electricidade com uso de parte do calor residual. No entanto uma instalação de cogeração a biomassa deve ser considerada e especificada preferencialmente em termos da sua capacidade de produção de calor e não em termos da produção eléctrica uma vez que é mais fácil, se necessário, adquirir energia eléctrica do que dissipar calor A eficiência de um sistema de cogeração é tanto maior quanto mais perto é o local do uso do calor. 

Os vários tipos de centrais de cogeração classificam-se como: 
Centrais com turbina que usam o calor desperdiçado no escape das turbinas de gás. 
Centrais de ciclo combinado adaptadas a cogeração 
Centrais com turbinas a vapor que usam o sistema de aquecimento como condensador de vapor para a turbina a vapor. 
Células de combustível têm uma exaustão quente, muito adequada ao aquecimento. 

Para potências eléctricas superiores a 1-2 MWe as turbinas convencionais a vapor são usadas com eficiências razoáveis. Alternativamente podem também ser usadas turbinas a gás, obtido através da gaseificação de biomassa. 

A cogeração em larga escala já existe há já algum tempo, a microcogeração é um desenvolvimento recente.